Frete grátis nos produtos marcados

Desconto adicional de 2% em compras em quantidade

Entregamos em todo o Brasil

Desconto adicional de 2% em compras no boleto bancário

receba nossas ofertas

NATIFA PRO 1+0,5 MG CAIXA 28 COMPRIMIDOS REVESTIDOS
Preço, Indicação, Para que Serve e Composição

ver produtos semelhantes a Natifa Pro

NATIFA PRO

compartilhe

Saiba pra que serve o produto Natifa pro 1+0,5 mg caixa 28 comprimidos revestidos da Libbs e todas as suas principais indicações. Leia a bula completa e saiba pra que serve este e como ele funciona nos casos de menopausa, prevenção da osteoporose em mulheres na pós-menopausa.

principal indicação

Menopausa, prevenção da osteoporose em mulheres na pós-menopausa.

Natifa pro 1+0,5 mg caixa 28 comprimidos revestidos -  Libbs

de R$ 55,64

por R$ 50,08

ou R$ 49,08 no boleto bancário (2% de desconto)

em 6x R$ 8,35 no cartão de crédito**

Produto Indisponível - Avise-me quando chegar
  • 1x R$ 50,08
  • 4x** Consulte
  • 2x* R$ 26,04
  • 5x** Consulte
  • 3x* R$ 18,03
  • 6x** Consulte

**Juros da Administradora. Consulte a mesma para saber a taxa de juros aplicada.

*parcelas com acréscimo.

simule os fretes disponíveis para sua região

Natifa pro 1+0,5 mg caixa 28 comprimidos revestidos -  Libbs
entregamos em todo Brasil
ISTO É UM MEDICAMENTO, NÃO USE SEM PREESCRIÇÃO MÉDICA E ORIENTAÇÃO DO FARMACÊUTICO. AO PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.
  • bula

Laboratório
Libbs

Apresentação de Natifa
Cart. c/ 1 bl. c/ 28 compr. de 1 mg.

Natifa - Informações
O 17- ß -estradiol aumenta a síntese celular de cromatina, de RNA e de algumas proteínas nos tecidos alvos. Diminuem a secreção de hormônio liberador de gonadotrofina no hipotálamo A paciente não deve amamentar durante o tratamento.

Natifa - Indicações
Menopausa; Tratamento das deficiências estrogênicas; Prevenção da osteoporose em mulheres na pós- menopausa.

Contra-indicações de Natifa
Natifa (estradiol) é contra-indicado para pacientes portadores de câncer de mama, câncer de endométrio, porfiria, durante a gravidez e para pacientes hipersensíveis a qualquer componente da fórmula. Câncer de mama suspeito ou confirmado; Porfiria; Gravidez, Neoplasia estrógeno-dependente; Hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula.

Advertências
Em uma mulher com o útero preservado deve-se considerar a necessidade de tratamento com oposição progestagênica devido ao aumento de risco de hiperplasia de endométrio e câncer. Mulheres com doenças hepáticas, com tromboembolismo venoso, hipertensas, epiléticas, diabéticas, asmáticas, portadoras de enxaqueca ou com insufi ciência cardíaca devem ser monitorizadas regularmente. Os sintomas de endometriose podem ser intensifi cados. Fibromas uterinos existentes podem aumentar de tamanho sob a ação dos estrogênios. Caso ocorra sangramento irregular após o início da terapia deve-se considerar a possibilidade de malignidade. Pacientes em tratamento prolongado devem ser monitorizadas regularmente. Caso ocorra icterícia, cefaléia intensa (do tipo enxaqueca), distúrbios visuais, distúrbios circulatórios venosos ou hipertensão deve-se suspender imediatamente o tratamento e informar o médico. A paciente não deve amamentar durante o tratamento.

Uso na gravidez de Natifa
A paciente não deve amamentar durante o tratamento. Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término.

Interações medicamentosas de Natifa
Os barbitúricos, a rifampicina, a fenitoína, a carbamazepina e outros indutores das enzimas hepáticas reduzem a ação dos estrógenos. Os glicocorticóides podem aumentar a meia vida dos estrogênios aumentando seus efeitos e sua toxicidade.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Natifa
No início do tratamento podem ocorrer reações como edema, náusea e sensibilidade das mamas. Estes efeitos normalmente tendem a desaparecer com a continuidade do tratamento também foram relatadas, mais raramente, outras reações adversas como asma, colelitíase, enxaqueca, alopecia e trombose venosa.

Natifa - Posologia
Recomenda- se a dose inicial de Natifa (estradiol) de 1 a 2 mg diários para redução dos sintomas da defi ciência estrogênica. A dose poderá ser ajustada até 4 mg diários para aquelas pacientes cujos sintomas vasomotores não responderem às doses menores. Com doses de 1 a 2 mg diários de Natifa (estradiol) consegue-se redução sufi ciente da perda mineral óssea. Quando a paciente menstrua, o tratamento deve ser iniciado no 5º dia após o início do sangramento. Nas pacientes histerectomizadas e nas pós- menopausicas pode ser iniciado a qualquer tempo.

Superdosagem
Os sinais de superdosagem são náuseas e vômitos. O tratamento deverá ser sintomático, pois não existe antídoto específi co.