Frete grátis nos produtos marcados

Desconto adicional de 2% em compras em quantidade

Entregamos em todo o Brasil

receba nossas ofertas

VAGI-C 250 MG CAIXA 6 COMPRIMIDOS
Preço, Indicação, Para que Serve e Composição

ver produtos semelhantes a Vagi-c

VAGI-C

compartilhe

Saiba pra que serve o produto Vagi-c 250 mg caixa 6 comprimidos da Marjan e todas as suas principais indicações. Leia a bula completa e saiba pra que serve este e como ele funciona nos casos de indicado para normalizar a flora vaginal em desequilíbrio.

Vagi-c 250 mg caixa 6 comprimidos -  Marjan

de R$ 36,96

por R$ 33,26

em 6x R$ 5,54 no cartão de crédito**

  • 1x R$ 33,26
  • 4x** Consulte
  • 2x R$ 16,63
  • 5x** Consulte
  • 3x R$ 11,09
  • 6x** Consulte

**Juros da Administradora. Consulte a mesma para saber a taxa de juros aplicada.

simule os fretes disponíveis para sua região

Vagi-c 250 mg caixa 6 comprimidos -  Marjan
entregamos em todo Brasil
  • bula

Vagi C

ácido ascórbico



Forma farmacêutica e apresentação

Comprimido vaginal: caixas com 6 comprimidos acompanhados de 1 aplicador vaginal



USO ADULTO

VIA VAGINAL



Composição
Cada comprimido vaginal contém:

ácido ascórbico .............................................................. 250 mg

Excipientes q.s.p........................................ 1 comprimido vaginal

Excipientes: povidona, lactose monohidratada e estearato de magnésio


Informação ao Paciente
Ação do medicamento ou Como este medicamento funciona?

Vagi C contém ácido ascórbico como ingrediente ativo.

Vagi C é usado para normalizar a flora vaginal em desequilíbrio.

A ação farmacológica de Vagi C se inicia após sua administração e se estende por todo dia devido à formulação dos comprimidos vaginais que promove uma liberação tópica gradual de vitamina C no decorrer do período.

Indicações do medicamento ou Por que este medicamento foi indicado?

Vagi C é indicado para normalizar a flora vaginal em desequilíbrio. Indicado principalmente para pacientes que apresentam repetidas alterações da flora vaginal e têm tendência de sofrer colpite (inflamação do colo do útero).

Risco do medicamento ou Quando não devo usar este medicamento?

Contra-indicações

Vagi C não deverá ser utilizado em caso de infecções fúngicas da área genital. Neste caso, a acidificação da vagina não trará qualquer benefício podendo, pelo contrário, inclusive intensificar os sintomas, uma vez que os fungos também crescem em meio ácido.

Este medicamento não deverá ser utilizado em caso de hipersensibilidade a qualquer dos componentes da fórmula.

ESTE MEDICAMENTO É CONTRA-INDICADO NA FAIXA ETÁRIA PEDIÁTRICA.

Advertências

Informe ao seu médico o aparecimento de reações indesejáveis.

Não é necessária a interrupção da utilização de Vagi C em virtude de sangramentos durante o período menstrual ou fora do mesmo. Outras patologias de base ou patologias infecciosas sistêmicas também não consistem em impedimento para o uso de Vagi C.

Precauções

Recomenda-se utilizar proteção adequada às roupas enquanto persistir o processo infeccioso e durante o seu tratamento.

Gravidez e lactação

Informe ao seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do seu tratamento ou após o seu término.

Vagi C também poderá ser administrado durante os períodos de gravidez e de lactação. Em estudos com animais, não foram observados quaisquer efeitos indesejáveis mesmo em caso de dosagens elevadas.

Interações medicamentosas

Não foram relatadas até o momento, interações medicamentosas entre Vagi C e outros medicamentos.

INFORME AO SEU MÉDICO SE VOCÊ ESTÁ FAZENDO USO DE ALGUM OUTRO MEDICAMENTO.

NÃO USE MEDICAMENTO SEM CONSULTAR O SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE.

Modo de uso ou Como devo usar este medicamento?

Aspecto Físico

Comprimidos irregulares de coloração branca, levemente amarelada e superfície lisa.

Características Organolépticas

Não aplicável

O comprimido vaginal deverá ser introduzido profundamente na vagina, de preferência à noite.

Em caso de infecções bacterianas da flora vaginal de intensidade moderada a média, via de regra, um tratamento de 6 dias será suficiente. No caso de infecções da flora vaginal mais agudas, com total ausência da flora de lactobacilos, ou durante o período de gravidez, recomenda-se utilização mais prolongada, por um período de várias semanas. A repetição da aplicação do medicamento após a menstruação, aumentará as possibilidades de sucesso terapêutico. Caso seja necessário, Vagi C poderá ser administrado diariamente por um período de várias semanas ou de meses.

Não constam indicações relativas à limitação de período de aplicação da medicação.

SIGA CORRETAMENTE O MODO DE USAR. NÃO DESAPARECENDO OS SINTOMAS, PROCURE ORIENTAÇÃO MÉDICA.

NÃO USE O MEDICAMENTO COM PRAZO DE VALIDADE VENCIDO. ANTES DE USAR, OBSERVE O ASPECTO DO MEDICAMENTO

Reações adversas ou Quais os males que este medicamento pode causar?

Reações

Avise seu médico ou farmacêutico o mais cedo possível se você não se sentir bem enquanto estiver usando Vagi C.

Em raros casos, poderão ocorrer ardor e prurido (coceira) vaginal. Trata-se de um fenômeno comum observado em quase todas as terapêuticas vaginais.

Em alguns pacientes, estes sintomas são decorrentes de uma infecção fúngica. Sabe-se que, em aproximadamente 10% das mulheres, encontra-se presente uma colonização por leveduras assintomática na vagina. Uma flora vaginal alterada com altas concentrações de germes anaeróbios podem produzir substâncias inibidoras de leveduras (como difenilamina entre outras), da mesma forma que inibem a multiplicação adicional dos fungos presentes em casos isolados.

Após a normalização da flora vaginal em decorrência da aplicação de Vagi C, em alguns casos, ocorre uma multiplicação mais intensa de leveduras, o que pode levar a uma infecção fúngica evidente (sintomática) com as queixas correspondentes.

Em casos isolados, pode ocorrer hipersensibilidade a algum componente da fórmula. Neste caso, deve-se suspender o uso da medicação.

Conduta em caso de superdose ou O que fazer se alguém usar uma grande quantidade deste medicamento de uma só vez?

Não foram observados até o momento efeito de superdosagem pela utilização da Vitamina C em aplicação vaginal. A administração acidental de comprimidos vaginais não implica em risco.

Cuidados de conservação e uso ou Onde e como devo guardar este medicamento?

Conserve o produto em temperatura ambiente (entre 15ºC e 30ºC), proteger da luz e umidade.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.


Informações de Rodapé
Registro M.S.: 1.0155.0236

Farmacêutica responsável: Regina Helena Vieira de Souza CRF-SP nº 6394

FABRICADO POR: MARJAN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. CNPJ.Nº 60.726.692/0001-81

Rua Gibraltar, 165 - Sto. Amaro – SP/SP – CEP 04755-070

SAC: 0800–554545



SIGA CORRETAMENTE O MODO DE USAR, NÃO DESAPARECENDO OS SINTOMAS PROCURE ORIENTAÇÃO MÉDICA.